01.08.09

 

Quando o vi a mover-se fiquei atônito. Nunca vi um artista como o James Brown e ali mesmo eu soube que era isso o que eu queria fazer para o resto da minha vida.

Michael Jackson

 

 

Segunda parte da entrevista a Filipe Carvalho nos intervalos do seu fazer – tese em Engenharia Electrotécnica no Instituto Superior Técnico.

Os austríacos e o peixe, as azeitonas italianas, o desafio do Finlandês e o culto da cerveja entre outras coisas muito menos interessantes como o ser Europeu.

Áustria versus Portugal: Ottakringer ou Superbock? Goesser ou Sagres? Stiegl ou o mito urbano chamado Cristal? E música à medida a cargo dos Fettes Brot.

Apresentamos também uma das concorrentes ao Poetry Slam do Festival do Silêncio: Andreia Barata com a peça Cabelos e Nós.

E não há nada como viajar em moonwalk.

 

 

### OUVIR A verdade corre a Maratona 

 

 

*Músicas

Fettes Brot Mit Modeselektor - Bettina

Fettes Brot - Emanuela

Michael Jackson - Rock With You

Michael Jackson - Billie Jean

sinto-me: Matutino
música: Fettes Brot & Michael Jackson
publicado por Alex às 14:40

20.06.09

 

O âmago de uma cultura são as suas obras clássicas – ou seja, intemporais. São intemporais e imperecíveis porque o seu significado transcende a morte. Nas palavras de Hölderlin: “Was bleibet aber, stiften die Dichter.”¹

George Steiner

 

 

Filipe Carvalho, 22 anos, estuda Engenharia Electrotécnica no Instituto Superior Técnico, esteve recentemente em Erasmus na Áustria com a particularidade de descender de...austríacos. Vá para fora cá dentro?

A Áustria, o que a Alemanha não tem que a Áustria tem, a vida antes, durante e após o Erasmus, a noção do que é ser europeu e banda sonora a acompanhar.

Outro tabu derrubado na Décima Segunda Província, um engenheiro sabe falar (e neste caso, até em duas línguas, aliás três, o Inglês também conta).

 

 

### OUVIR O que permanece, é fundado pelos Poetas

 

 

*Música

Die Toten Hosen - Zehn Kleine Jägermeister

 

¹A tradução é o título

sinto-me: Temporal
música: Die Toten Hosen
publicado por Alex às 23:49

A 12ª Província é um local. Tem a geografia da distância, do caminho, da saudade. Tem um tempo próprio na fronteira de cada pessoa. Não tem voz: tem ouvido. É o testemunho. De um povo andarilho espalhado pelo mundo: os portugueses.

A 12ª Província foi um programa de Alexandre Matoso.
Passou na Rádio Zero todas as Terças-Feiras às 20:30 entre Outubro de 2008 e Novembro de 2011.

Para qualquer informação: matoso.a@gmail.com

Facebook
Check-In
free counters
arquivos
2011:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2010:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2009:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


2008:

 1 2 3 4 5 6 7 8 9 10 11 12


pesquisar
 
subscrever feeds
mais sobre mim
blogs SAPO